Whirlpool lucra US$ 160 milhõs no 1º trimestre

A Whirlpool, que controla as marcas Brastemp e Consul no Brasil, informou nesta sexta-feira, 25, ter registrado lucro líquido de US$ 160 milhões no primeiro trimestre deste ano, significativamente menor que o ganho de US$ 252 milhões verificado em igual período de 2013. Na mesma comparação, o lucro por ação recuou a US$ 2,02, de US$ 3,12. Com ajuste, o ganho por ação subiu para US$ 2,20, de US$ 1,97. As vendas cresceram 2,7%, a US$ 4,36 bilhões.

AE, Agencia Estado

25 de abril de 2014 | 10h21

O lucro veio abaixo do esperado, mas a receita superou ligeiramente as expectativas. Analistas consultados pela Thomson Reuters previam ganho ajustado por ação de US$ 2,33 e receita de US$ 4,3 bilhões. Às 9h11 (de Brasília), as ações da Whirlpool se mantinham estáveis no pré-mercado em Nova York.

Na América do Norte, as vendas da Whirlpool subiram mais de 4% no primeiro trimestre ante um ano antes, a US$ 2,3 bilhões, enquanto as vendas na América Latina e Europa avançaram 11% e as no Oriente Médio e África cresceram 4%. Na Ásia, houve queda de 4% nas vendas. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Whirlpoolbalanço1º trimestre

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.