Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Zona do euro concorda em emprestar € 150 bi ao FMI para resgates, diz fonte

Objetivo seria chegar aos € 200 bilhões, conforme acertado pelos líderes da União Europeia na cúpula no início do mês

Ricardo Gozzi, da Agência Estado,

19 de dezembro de 2011 | 16h31

BRUXELAS - Os governos dos 17 países que integram a zona do euro concordaram hoje em emprestar € 150 bilhões ao Fundo Monetário Internacional (FMI) para uso na estabilização da união monetária, informou uma fonte governamental do bloco.

"Existe acordo sobre uma soma de € 150 bilhões para os países da zona do euro", disse a fonte à AFP. A fonte comentou que o objetivo ainda é chegar aos € 200 bilhões acertados pelos líderes da União Europeia (UE) na reunião de cúpula de 9 de dezembro, apesar da recusa britânica em aportar quase € 30 bilhões, que seria a parcela do Reino Unido com base nas cotas do FMI.

As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
fmiempréstimozona do euro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.