Reuters
Reuters

Zuckerberg, do Facebook, é o executivo mais bem pago dos EUA

Ele recebeu US$ 2,28 bilhões em 2012, o dobro do segundo colocado da lista dos dirigentes de empresas mais bem pagos

Efe,

23 de outubro de 2013 | 20h20

LOS ANGELES - O fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, foi o executivo mais bem pago dos Estados Unidos em 2012.

Ele recebeu US$ 2,28 bilhões, entre salários e outras remunerações indiretas, segundo um estudo divulgado nesta quarta-feira, 23, pela consultoria GMI Ratings.

    

Em segundo lugar, com a metade do ganho de Zuckerberg, está Richard D. Kinder, chefe da gigante de energia Kinder Morgan, que recebeu um salário de US$ 1,1 bilhão.

Em terceiro lugar, bem atrás, aparece Mel Karmazin, que até dezembro estava no comando da empresa de rádio pago via satélite Sirius XM Radio.

    

Karmazin acumulou um ganho anual de US$ 255 milhões. Segundo dados da consultoria GMI Ratings, os executivos mais bem pagos tiveram aumento de 8,4 % em média em 2012.

Pela primeira vez, todos os dez primeiros colocados da lista dos mais bem pagos receberam valores acima de US$ 100 milhões ao longo do ano.

O líder do grupo investidor em empresas de comunicação Liberty Media, Gregory B. Maffei, recebeu US$ 254 milhões, enquanto Tim Cook, da Apple, teve rendimentos de US$ 143 milhões.

Na lista também estão os comandantes da Starbucks e da empresa de serviços de internet Salesforce.com.

Tudo o que sabemos sobre:
Facebook

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.