7 dicas infalíveis de planejamento de vendas

São Paulo, SP--(DINO - 10 fev, 2017) - Os especialistas são unânimes em afirmar que já passamos pelo olho do furacão da crise.

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

10 de fevereiro de 2017 | 14h54

Agora é hora de trabalhar duro para pegar a onda positiva quando ela vier. Sim, os especialistas falam em onda, não em marolinha, o crescimento será consistente porque o Brasil vem há um bom tempo se empenhando na lição de casa.

O planejamento de vendas é a ferramenta que irá permitir a você se preparar para pegar as melhores ondas - veja como criar e implementar o seu.

1) Conheça o seu cliente: já falamos em outras ocasiões da importância de desenvolver a sua persona. http://www.legions.biz/blog/persona-como-criar/

Saber quem é o seu cliente, quais são as suas dores, as suas expectativas, sonhos e interesses permite usar uma abordagem mais eficiente; sem essa sensibilidade, muita venda se perde no caminho.

Ouça a sua equipe de vendas e os seus clientes, são eles que lhe darão os insights que permitirão que você se destaque da concorrência.

2) Defina sua meta de vendas: você quer mais clientes? Quer ampliar o ticket médio de cada venda? Quer clientes recorrentes?

Para quem não sabe aonde vai, qualquer caminho serve. Se você está aqui, qualquer resultado não lhe atende. Ponha no papel a meta, os passos necessários e comece agora!

3) Analise seus indicadores de vendas: para as suas metas saírem do papel, é preciso que elas estejam apoiadas em dados.

Criamos uma planilha em Excel para ajudar a controlar os indicadores e oportunidades, pode ser baixada em nosso site. http://materiais.legions.biz/template-de-pipeline-e-forecast

Um bom começo é avaliar os resultados de 2016: quais foram os produtos mais vendidos, quais foram as demandas que a empresa não conseguiu atender, quais produtos renderam melhor no último trimestre?

Com isso em mãos, é possível identificar, rever a estratégia e saber onde há chances reais de crescimento.

4) Reveja o seu preço: refaça os cálculos dos custos fixos e variáveis e avalie se a conta fecha.

Calcule a margem para desconto. Esse é o momento para mensurar e incluir a comissão de produtividade dos vendedores.

E esteja de olho na concorrência: se o seu valor for muito acima da média, seu time de vendas e o seu marketing, seja presencial ou on-line, terão que estar preparados para contornar essa situação.

5) Conquiste novos leads: mesmo que não seja sua meta número 1, ela estará no seu top 3.

Uma empresa não sobrevive sem ampliar e diversificar sua cartela.

Defina seu público-alvo, com as informações da persona crie uma estratégia matadora e parta para a ação. Vale pedir referências para seus atuais clientes.

E invista em marketing digital: quem não é encontrado no Google e nas mídias sociais, vende uma mera fração do que poderia. http://www.legions.biz/blog/marketing-de-conteudo-publicidade-eficiente/

6) Honestidade é o seu sobrenome: seja claro quanto às propriedades do seu produto e jamais venda gato por lebre.

Seja persuasivo, nosso artigo 10 Frases de fechamento, poderá ajudar neste momento mas não minta, nem mesmo omita. http://www.legions.biz/blog/tecnicas-de-vendas-10-frases-fechamento/

Após a Operação Lava Jato, transparência e credibilidade são valores que passaram a fazer parte dos itens "tem que ter" para qualquer empresa brasileira.

7) Reforce o pós-venda: mantenha o contato com seus clientes, acompanhe a experiência deles com o produto e peça um feedback para melhorar seu atendimento.

Promova o engajamento do cliente com a marca por meio da oferta de promoções específicas, por exemplo. Esta é a oportunidade para identificar novas oportunidades de venda junto a esse público.

Você tem outras dúvidas sobre o planejamento de vendas? Escreva para a gente e assim poderemos produzir um texto mais alinhado com as suas necessidades.

Tudo o que sabemos sobre:
Releases

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.