A tecnologia utilizada em benefício da construção civil

Este conteúdo é uma comunicação empresarial

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

20 Dezembro 2016 | 16h48

São Paulo--(DINO - 20 dez, 2016) - Utilizando os facilitadores que a conectividade proporciona, a economia compartilhada , do inglês "sharing economy", conceitua-se como a prática de dividir o uso ou a compra de serviços, estimulada através de uma maior interação entre as pessoas. Essa modalidade de economia foi popularizada por volta dos anos 2000, em decorrência do desenvolvimento da tecnologia da informação, acesso à internet e o crescimento das redes sociais. De olho neste nicho, a incubadora de startups Fabricadeideias.mobi agrega ao seu portfólio de startups o Tá na Obra, ferramenta focada no ramo da construção.

Preparado para atender a amplitude do mercado digital, a startup conta com o aplicativo desenvolvido nos sistemas operacionais iOS e Android além da versão em desktop, é viabilizado o aluguel de maquinário e equipamentos para o canteiro de obra, uma vez que dispor destes por um período ao invés de sua compra, gera uma economia sem precedentes, que afeta diretamente o valor final da obra. Com cadastro 100% gratuito, é viabilizado através da ferramenta a conectividade entre construtores e fornecedores, garantindo um melhor preço, menor frete e prazo ideal para o aluguel de equipamentos e maquinário pesado.

Mais conteúdo sobre:
ReleasesSão PauloAndroid

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.