De origem no sul, palha italiana conquista o paladar dos brasileiros e vira negócio

Rio de Janeiro, RJ--(DINO - 13 mar, 2017) - Poucos sabem, mas ? apesar do nome ? a palha italiana é um doce brasileiríssimo. Nos últimos anos, a iguaria se popularizou ainda mais, tendo conquistado lugar no paladar dos brasileiros ao lado de outros doces-tendência como o brownie e o creme de avelã. De quebra, acabou virando oportunidade de negócio para aqueles que buscam uma renda extra ou empreender.

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

13 de março de 2017 | 10h46

Apesar da novidade do sabor, o doce combina ingredientes bastante comuns no país, como leite condensado, achocolatado, biscoito de maisena, manteiga e açúcar. Mesmo com a grande demanda por receitas de palha nos sites de culinária, cresceu também o interesse pelo produto pronto para ser consumido.

Guilherme Cerqueda, de apenas 25 anos, percebeu essa oportunidade ainda na faculdade. Dali surgiu a "Migalha", marca que produz palhas italianas artesanais e que é vendida em mais dez pontos do Rio de Janeiro, além de pela internet.

"Havia muitas marcas especializadas em brownies e outros doces, mas quase ninguém oferecia palha italiana", diz ele, que, além da tradicional, inovou lançando palhas nos sabores chocolate branco e café, e em determinadas épocas do ano nos sabores cerveja, goiabada e avelã.

Apesar de atrair quem já era fã, o criador da Migalha diz que os empreendimentos de palha italiana ajudam a popularizar doce: "Temos clientes que já conheciam a palha italiana e chegaram a nossa marca por já apreciarem. Outros, porém, ficaram sabendo da palha direto no ponto de venda, e ficaram apaixonados", diz.

Website: http://www.migalha.cc

Tudo o que sabemos sobre:
Releases

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.