Epson apoia Galeria Vermelho na realização da mostra "ainda não", do grupo Depois do Fim da Arte, supervisionado pela artista Dora Longo Bahia

Este conteúdo é uma comunicação empresarial

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

16 de março de 2017 | 07h24

São Paulo--(DINO - 10 mar, 2017) - Epson apoia Galeria Vermelho na realização da mostra "ainda não", do grupo Depois do Fim da Arte, supervisionado pela artista Dora Longo Bahia.

A intervenção contará com as soluções da empresa para digitalização e impressão profissional

São Paulo, 07 de março de 2017 - A Epson do Brasil anunciou que será parceira da Galeria Vermelho na intervenção intitulada "ainda não", do grupo Depois do Fim da Arte, liderado pela artista plástica Dora Longo Bahia, que também conta com a supervisão de Renata Pedrosa. A intervenção faz parte da exposição individual "Cinzas", de Longo Bahia.

O grupo, formado por artistas, pesquisadores e estudantes, propõe ocupar a galeria e construir um espaço de produção de trabalhos, e irá utilizar as soluções de imagem da Epson para desenvolver suas atividades: as impressoras SureColor® P800 e P7000, que oferecem excelente desempenho e qualidade de impressão profissional. A SureColor® P800, uma impressora de 17 polegadas, apresenta um adaptador de rolo de papel opcional de 43 cm, ideal para pinturas e gravuras em formato panorâmico até 3 metros. Junto com os nove cartuchos, este modelo é projetado para uso profissional em casa ou no estúdio. A SureColor P7000, de 24 polegadas, inclui um conjunto de tintas UltraChrome® HD com 10 cores, ideal para designers gráficos, fotógrafos, casas de reprodução e obras de arte. Finalmente, o scanner Perfection V800 Photo, com resolução de 4800 x 6400 dpi, garante cores precisas e detalhes nítidos na digitalização de fotos, negativos e slides para arquivo ou reprodução.

No mesmo período, será exibido na Sala Antonio ? o cinema da Vermelho ? Psicose, recriação do clássico de Alfred Hitchcock a partir de imagens e sons adquiridos em diversos bancos de "royalty free media", realizada por Gisela Motta e Leandro Lima. A projeção fica a cargo do Epson PowerLite Pro Cinema LS10000, projetor para home theater de alta performance com tecnologia Laser 4K Enhancement.

A parceria entre a Epson e a Galeria Vermelho também já pôde ser vista na exposição Um, Nenhum, Muitos, de Carmela Gross em 2016.

As exibições são gratuitas e acontecem de 9 de março a 8 de abril em São Paulo, capital. A Galeria Vermelho fica localizada na Rua Minas Gerais, 350. Para mais informações, acesse www.galeriavermelho.com.br, ou ligue para (11) 3138-1520.

Sobre a Epson

A Epson do Brasil é subsidiária do grupo japonês Seiko-Epson Corporation, líder mundial em produtos de imagem e alta precisão. O grupo possui mais de 75 mil colaboradores em 97 empresas localizadas em todo o mundo. Por conta de suas tecnologias proprietárias, mundialmente, está entre as 10 companhias que mais registram patentes.

No Brasil, a Epson iniciou suas operações em 1982, em 1997 inaugurou sua fábrica em Barueri (Grande São Paulo), ocupando uma área de 19 mil m², certificada internacionalmente pela ISO 14001 e em 2014 ampliou a produção de produtos no Brasil, instalando uma fábrica no Polo Industrial de Manaus.

Pioneira no desenvolvimento de impressoras tanque de tinta comercializadas sob a marca EcoTank; a subsidiária brasileira tem como estratégia fortalecer também sua atuação no mercado B2B, por meio de seus produtos profissionais, entre eles, vídeo projetores, impressoras de grande formato, scanners, rotuladoras, mini impressoras para automação comercial e robôs para automação industrial, além de projetos especiais para aeroportos e área têxtil.

Mais informações; www.epson.com.br

Relações com a imprensa ? Epson:

Simone Camargo (11) 3956-6631 simonecamargo@epson.com.br

Equipe de Atendimento da Epson na Burson-Marsteller:

Thiago Dias (11) 3094-2293 thiago.dias@bm.com

Website: http://www.epson.com.br

Tudo o que sabemos sobre:
Releases

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.