Especialista inova em tratamentos estéticos odontológicos com conceito DSD

Jundiaí - SP--(DINO - 07 fev, 2017) - Ter um sorriso saudável e sem doenças orais não é o suficiente para pacientes mais exigentes. Diversas pesquisas apontam que sorrisos brancos e simétricos aumentam a autoestima e o otimismo, sem contar que também ajudam a conseguir um trabalho e fazer novas amizades. Por isso, cada vez mais a busca por um sorriso perfeito, que harmonize tanto com características físicas quanto com a personalidade, tem aumentado. Só em 2015 houve um crescimento de 300% na procura pelo sorriso ideal.

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

07 de fevereiro de 2017 | 11h06

É nesse contexto que o Digital Smile Design (DSD) tem se destacado. O conceito, que surgiu em 2007, se baseia em um sistema virtual para analisar as proporções faciais e dentárias dos pacientes, que inclui dentes, gengivas, lábios e o sorriso como um todo.

A demanda de interessados pela técnica bem como sua evolução têm crescido bastante nos últimos anos. Trata-se de uma ferramenta, conhecida também nos Estados Unidos e na Espanha, direcionada a dentistas modernos que buscam ir além da odontologia tradicional e desenvolver também habilidades artísticas. Resumindo, com o DSD, os dentistas assumem a função de verdadeiros "Designers do Sorriso".

"É como fazer um teste-drive do sorriso. No planejamento feito em sistema DSD é possível realizar desenhos e utilizar réguas nas imagens para apresentar ao paciente uma prévia do tratamento final com precisão", diz o cirurgião-dentista e habilitado em DSD, Dr. Leonardo Panza.

O procedimento é simples e funciona assim: primeiro são reunidas fotos e vídeos do sorriso do paciente, que em seguida são analisadas e dão origem aos moldes iniciais. "A partir do modelo inicial e do planejamento realizado em DSD, o laboratório faz o enceramento, que é duplicado usando um silicone adequado para o procedimento. Esse silicone, mais tarde, vai ser utilizado em boca, ou seja, para realizarmos o mock up do paciente", explica Panza.

Apesar de ser muito utilizado para fins estéticos, o DSD também tem ganhado espaço no planejamento de tratamentos que envolvem especialidades como Implantes, Periodontia, Ortodontia e Cirurgia Oral. Por isso que, independente de qual seja o caso, Panza conta que o sistema DSD permite, com seus recursos digitais, realizar o procedimento ideal para a condição específica do paciente de forma eficaz, reduzindo o tempo e evitando surpresas durante o tratamento.

Sobre o Dr. Leonardo Panza

Há 14 anos ajuda pacientes a recuperarem a autoestima e o bem-estar através da aparência do sorriso, o Dr. Leonardo Panza é referência quando se fala em Digital Smile Design (DSD) e aplicação de Lentes de Contato Dentais. Graduado em Cirurgião Dentista pela Universidade de São Paulo (USP), é também Mestre, Doutor e Especialista em Prótese Dental pela FOP Unicamp, além de Coordenador do curso de especialização em Implantodontia do IPE (Cuiabá). Desde 2009 atua no corpo clínico da ONE Clinic, Clínica e SPA Odontológico, localizada em Campinas (SP).

Website: https://www.facebook.com/drleopanza/

Tudo o que sabemos sobre:
Releases

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.