Gemalto e Microsoft unem forças para oferecer conectividade consistente para dispositivos com W

A Gemalto (Euronext NL0000400653 GTO), líder mundial em segurança digital, apresenta o mais novo lançamento de sua tecnologia On Demand Connectivity e eSIM para dispositivos com Windows 10, em parceria com a Microsoft. O lançamento da Gemalto obedece às especificações e diretrizes mais recentes para fornecimento de SIMs remotos, como estabelecido pela GSM Association (GSMA), uma associação global de desenvolvedores e operadoras de redes móveis.

Por GEMALTO SA

21 de fevereiro de 2017 | 07h34

A Gemalto e a Microsoft formaram uma equipe para tornar esse avanço uma realidade no intuito de que os usuários finais tenham uma experiência de conectividade segura e contínua. A solução em gestão de assinatura On-Demand Connectivity da Gemalto, junto com o suporte do Windows 10 native eSIM, permitirá que os consumidores gerenciem com perfeição a experiência de conectividade dos seus dispositivos.

O eSIM é projetado para ser fornecido remotamente pelas operadoras de redes móveis mediante informações de assinatura e é operacional em todas as operadoras, fabricantes de dispositivos e provedoras de tecnologia do mundo que implementem a especificação. Essa tecnologia servirá como estrutura modelo que os dispositivos de todas as formas e tamanhos irão usar para se conectarem às redes das operadoras. Espera-se que a primeira onda de dispositivos com essa tecnologia esteja disponível para os consumidores neste período festivo de 2017.

A tecnologia eSIM ainda é um importante investimento para a Microsoft, já que visamos criar ainda mais oportunidades de computação móvel, disse Roanne Sones, gerente geral de estratégia e ecossistemas para Windows e dispositivos da Microsoft. Como componente chave para a experiência de Conexão Contínua do Windows, trabalhamos muito de perto com a Gemalto para desenvolver uma solução que corresponda às novas diretrizes da GSMA.

A Gemalto criou uma gama completa de softwares de gestão de assinaturas e serviços para gerenciar o ciclo de vida do eSIM nos dispositivos móveis, disse Rodrigo Serna, Vice-Presidente Sênior de Serviços Móveis e IoT para as Américas da Gemalto. Continuaremos a trabalhar de forma muito próxima com a Microsoft e a GSMA para promover esses avanços ao mesmo tempo em que protegemos a segurança dos usuários finais, que confiam em seus dispositivos móveis para tornar seu cotidiano mais fácil.

Sobre a Gemalto

A Gemalto (Euronext NL0000400653 GTO) é líder mundial em segurança digital, com receitas anuais de 3,1 bilhões em 2015 e clientes em mais de 180 países. Nós levamos confiança a um mundo cada vez mais conectado.

Nossas tecnologias e serviços permitem que empresas e governos autentiquem identidades e protejam dados, de maneira que fiquem seguros e possibilitem serviços em dispositivos pessoais, objetos conectados, na nuvem e entre eles.

As soluções da Gemalto estão na essência da vida moderna, desde o pagamento à segurança corporativa, passando por Internet das Coisas. Nós autenticamos pessoas, transações e objetos, criptografamos dados e criamos valor para o software possibilitando que nossos clientes protejam serviços digitais para bilhões de pessoas e coisas.

Nossos mais de 14.000 funcionários estão distribuídos em 118 escritórios, 45 centros de personalização e de processamento de dados e 27 centros de desenvolvimento de software, localizados em 49 países.

Para obter mais informações, visite www.gemalto.com ou siga @gemalto no Twitter.

Assessoria de Imprensa Gemalto:

Philippe Benitez

Américas

+1 512 257 3869

philippe.benitez@gemalto.com

Kristel Teyras

Oriente Médio e África

+33 1 55 01 57 89

kristel.teyras@gemalto.com

Shintaro Suzuki

Ásia-Pacífico

+65 6317 8266

shintaro.suzuki@gemalto.com

     
Vivian Liang

(Grande China)

+86 1059373046

vivian.liang@gemalto.com

 

 

 

O conteúdo deste comunicado de imprensa é uma tradução e não deverá, em qualquer circunstância, ser considerado oficial. A versão original do comunicado de imprensa em inglês é a única versão confiável e deverá prevalecer no caso de haver discrepâncias com a tradução.

Primary Logo

Tudo o que sabemos sobre:
Releases

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.