Governo do Canadá torna mais rápido e fácil para os canadenses e residentes permanentes reunir-se com seus cônjuges

Este conteúdo é uma comunicação empresarial

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

16 de dezembro de 2016 | 18h01

São Paulo (BR) - Vancouver (CA), 15 de dezembro de 2016--(DINO - 16 dez, 2016) - Uma ótima notícia acaba de ser divulgada pelo governo canadense. A partir de agora, aplicações conjugais terão seu tempo de processamento reduzido para 12 meses, exceto em casos mais complexos.

Vale lembrar que os candidatos que já apresentaram um pedido não terão que esperar mais 12 meses para tê-los finalizado. O IRCC - Departamento Federal de Imigração, Refugiados e Cidadania do Canadá, continuará a processar os pedidos na ordem em que foram recebidos. Nestes casos, a decisão deverá ser informada para as famílias até o final de dezembro de 2017.

Para reunir as famílias, IRCC planeja admitir 64 mil cônjuges e dependentes em 2017, bem acima da média na última década, que foi de cerca de 47 mil.

"Este é mais um esforço do país, que tem um dos mais generosos programas de reunificação familiar em todo o mundo para receber imigrantes" diz Renato Feldmann, COO, da One Immigration.

No início deste ano o IRCC começou um esforço concertado para reduzir os tempos de processamento. Os prazos foram reduzidos em 15% para aplicações no Canadá e pouco mais de 10% para aplicações fora do país.

O anúncio vem de encontro às declarações recentes do ministro da Imigração, Refugiados e Cidadania, John McCallum, que afirmou que em 2017 o Canadá receberá 300 mil imigrantes, o que apoiará o crescimento econômico e a inovação no país, ao mesmo tempo em que ajudará a reunir mais famílias e a reduzir os tempos de processamento.

O kit de aplicação estará disponível a partir de 15 de dezembro de 2016.

Website: http://www.oneimmigration.ca

Tudo o que sabemos sobre:
ReleasesSão PauloCanadáCidadania

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.