Grupo Ouro Cred esclarece opções para enfrentar a crise: você sabe quando é vantajoso fazer um empréstimo no crédito consignado?

Este conteúdo é uma comunicação empresarial

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

16 de março de 2017 | 03h18

Guarulhos, SP--(DINO - 03 mar, 2017) - O grupo Ouro Cred compartilha sua experiência ao falar sobre como enfrentar a crise por meio de um instrumento de crédito que tem muitos atrativos e é uma forma real para enfrentar os momentos de desafios financeiros, abordando em quais situações o crédito consignado é muito indicado. Para o pagamento de dívidas:Em geral, as taxas cobradas no crédito consignado estão abaixo do que as cobradas pelos empréstimos comuns. Isso porque, como a parcela é abatida diretamente do benefício ou do salário na folha de pagamento, gera menos riscos para as instituições financeiras. Além disso, com o limite definido pelo Banco Central (a parcela não pode ser maior do que 30% da aposentadoria ou do salário do tomador de crédito) evita que o tomador se endivide além do seu limite de pagamento.Por isso, para quem está passando por dificuldades financeiras e está endividado, o crédito consignado pode ser uma boa opção. Ou seja, pode ser bom sair de uma dívida cara para uma mais barata.Para quem está no cheque especial:Muita gente se perde nas contas do cartão de crédito e acaba se endividando com o cheque especial, que tem juros altíssimos. Nesse caso, o crédito consignado é uma ótima opção, porque as taxas de juros são bem mais baixas. Assim, você quita a dívida do cheque especial e fica pagando uma parcela bem menor e com juros bem mais baixos com o crédito consignado. Para se ter uma ideia, a taxa anual de juros do crédito consignado girou em torno de 23,6% enquanto a do cheque especial chegou a 148,6%. Uma grande diferença no bolso, não é mesmo?Para a compra de um carro:Muitos não sabem, mas comprar um carro por meio do crédito consignado tem muitas vantagens, como por exemplo:O veículo não fica alienado à instituição financeira. Quando você termina de pagar o financiamento, você precisa informar ao Detran a desalienação e pagar uma taxa por isso. Com o crédito consignado, não existe esse procedimento, pois o dinheiro é considerado "livre" e, por isso, você não precisa informar para que fins esse dinheiro foi utilizado.Ágil e nada burocrático: Todo mundo sabe o quanto um financiamento pode ser uma operação burocrática e demorada, não é mesmo? O crédito consignado tem seus próprios trâmites e é muito mais rápido.Possibilidade de desconto: Como você terá todo o dinheiro em mãos, com o crédito consignado ? diferente do financiamento ? será possível negociar com o vendedor a possibilidade de um desconto, já que você está pagando à vista!Para quem está com o 'nome sujo':Sabemos que imprevistos acontecem e às vezes por causa de quantias até mesmo irrisórias você fica com o 'nome sujo' na praça. E essa situação acaba virando uma bola de neve, pois você não consegue crédito com facilidade e a maioria das instituições financeiras não empresta dinheiro para quem tem o nome sujo. O pior? As instituições que emprestam cobram taxas altíssimas, deixando o indivíduo ainda mais endividado do que quando começou o empréstimo. O crédito consignado, por ser descontado diretamente do benefício ou do salário, tem menos risco, e por isso, não faz uma consulta de crédito e libera empréstimo até mesmo para quem está nessa situação de dificuldade.Sobre o Grupo Ouro Cred: empresa especialista em crédito consignado, atuando desde 2007, com cerca de 100 mil clientes atendidos, com 6 pontos de atendimento, sendo 5 na cidade de Guarulhos e 1 na cidade de Ribeirão Preto, no Estado de São Paulo. http://www.grupoourocred.com.br/

Tudo o que sabemos sobre:
Releases

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.