Jardim em miniatura: aprenda a fazer o seu!

(DINO - 21 fev, 2017) - *Por Giuliana Flores

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

22 de fevereiro de 2017 | 15h04

Para quem deseja ter o próprio cantinho verde em casa, mas acaba desistindo pela falta de espaço. Uma solução simples e muito charmosa são os jardins em miniatura. Também conhecidos como terrários, eles são muito fáceis de montar e cultivar ? confira no passo a passo da Giuliana Flores:

Escolha das espécies

No jardim em miniatura, as condições ambientais devem ser similares as da natureza. O objetivo é reproduzir o mais fiel possível o habitat das plantas que serão cultivadas, por isso, dê preferência às de pequeno porte que ao crescer não ultrapassem a altura do vidro, facilitando a preparação e a manutenção. Iniciantes em jardinagem podem optar por variedades que gostam de sombra e toleram altos níveis de umidade, como musgos e samambaias. Por outro lado, se o objetivo é criar um clima árido em um recipiente aberto, os cactos e as suculentas são ideais.

Seleção do recipiente

O mais indicado é que seja de vidro ou outro material transparente para visualização total do arranjo. Também é preciso ter profundidade suficiente para acomodar as raízes de forma adequada. Quanto ao formato, existem estufas fechadas e cupulares, próprias para esse cultivo, mas aquários e potes comuns também funcionam, mas por terem maior abertura exigem regas mais frequentes,

Materiais e montagem

Com o recipiente limpo, o próximo passo é preencher o fundo com uma mistura de pedras, cascalho e carvão vegetal para auxiliar na drenagem da água. Em seguida, coloque uma camada de musgo e, por cima, espalhe de dois a três centímetros de terra e, em pequenos buracos, arrume as plantas, com cuidado para não danificar as raízes. Para finalizar use pedras, conchas, pequenas estátuas e outros objetos que harmonizam o arranjo.

Cuidados e manutenção

Os tipos de recipientes requerem diferentes cuidados. Viveiros fechados são naturalmente úmidos, por isso não há necessidade de muitas regas, já os potes sem tampa precisam de água toda semana ? é importante ter em mente que a frequência depende também da espécie cultivada, cactos e suculentas, por exemplo, podem ser regados apenas uma vez por mês. Vale ressaltar que jardins em miniatura fechados às vezes precisam ser abertos para a circulação de ar fresco e para a remoção de ervas daninhas ou vegetais doentes.

Para saber mais sobre a Giuliana Flores, acesse o site: www.giulianaflores.com.br

Tudo o que sabemos sobre:
Releases

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.