Kaneka North America, LLC vai aumentar preços de venda abaixo da tabela dos aditivos especiais Kane Ace®

Este conteúdo é uma comunicação empresarial

Por PR NEWSWIRE

03 de janeiro de 2017 | 18h04

Kaneka North America, LLC vai aumentar preços de venda abaixo da tabela dos aditivos especiais Kane Ace®

PR Newswire

PASADENA, Texas, 3 de janeiro de 2017

PASADENA, Texas, 3 de janeiro de 2017 /PRNewswire/ -- Devido aos contínuos aumentos de matérias-primas essenciais, a Kaneka North America, LLC vai aumentar os preços de venda abaixo da tabela dos aditivos especiais MBS Kane Ace®, a partir de 9 de janeiro de 2017 ou conforme os contratos ou acordos permitirem:

Produtos:

Modificadores de impacto MBS Kane Ace® $ 0,08/libra.

Gerentes de contas irão contatar os clientes para discutir a situação com mais detalhes. A Kaneka North America, LLC valoriza todos os seus relacionamentos comerciais e aprecia o contínuo apoio.

Sobre a empresa

A Kaneka Corporation é uma empresa global de fabricação diversificada, que produz e/ou distribui intermediários farmacêuticos, fibras sintéticas, produtos químicos finos, filme de poliimida, ingredientes alimentícios, dispositivos médicos e alguns outros produtos especializados. A Kaneka North America, LLC é subsidiária da Kaneka Americas Holding, Inc.

Os produtos Kane Ace? são modificadores de resinas criados com base em um projeto de partículas de polímero de estrutura com múltiplas camadas (tecnologia núcleo-casca). Esses produtos se dispersam uniformemente na resina da base e adicionam uma variedade de funções. A Kaneka fabrica e vende produtos que modificam a resistência ao impacto, resistência ao calor e retardação da chama, bem como produtos que adicionam uma característica de difusão de luz e outras propriedades.

Contato com a imprensa:

Craig Bastian

+1-281-291-3139

craig.bastian@kaneka.com

FONTE Kaneka North America, LLC

Tudo o que sabemos sobre:
ReleasesTexasPASADENA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.