Monsanto recebe estudantes e pesquisadores da Kansas State University

Este conteúdo é uma comunicação empresarial

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

10 de janeiro de 2017 | 10h05

RS e SP--(DINO - 10 jan, 2017) -

Janeiro de 2017 ? Alunos e pesquisadores do Departamento de Agronomia da Kansas State University (EUA) visitaram a unidade da Monsanto, em Santa Cruz das Palmeiras (SP), nos últimos dias 5 e 6 de janeiro. O objetivo da visita técnica foi conhecer os métodos de ponta utilizados pela Monsanto no desenvolvimento de novas tecnologias para superar desafios agronômicos do Brasil, como o manejo de ervas daninhas e insetos pragas. No dia 11 de janeiro, a unidade da Monsanto em Coxilha, no Rio Grande do Sul, também irá recebê-los.

A empresa considera a visita importante e vê o programa como um caminho para promover avanços no setor, em âmbito nacional e global. "Intermediar o contato de profissionais brasileiros com instituições de ensino de outros países traz experiências positivas para ambos, além de promover o estreitamento dos vínculos, a troca de aprendizado e estabelecer uma rede de contatos e possíveis parcerias entre instituições", explica Renato Carvalho, líder de Biotecnologia no Brasil e gerente da unidade de Santa Cruz das Palmeiras. "Esse tipo de projeto evidencia o comprometimento da Monsanto com um dos seus principais pilares, que é o compartilhamento de conhecimento", finaliza.

Na programação, além de visitas à diversas áreas da unidade, como casas de vegetação e campo, também foram ministradas palestras sobre assuntos de interesse dos estudantes, que têm foco em biotecnologia para manejo de ervas daninhas e insetos pragas e em fertilidade de solo. A visita foi coordenada pelos professores doutores Nathan Nelson e Charles Rice.

Nathan Nelson, Ph.D em ciência do solo e professor de fertilidade do solo e manejo de nutrientes, explica que o intercâmbio internacional com a Monsanto no Brasil é uma excelente maneira de construir e expandir a educação dos alunos. "Ele ajuda os estudantes a sintetizar muitos aspectos da agronomia à medida que aprendem como o manejo da soja muda para se adaptar aos diferentes climas, solos, insetos e doenças presentes no País", explica.

Já Charles Rice, Ph.D em microbiologia do solo, diz que o Brasil é especialmente importante porque a agricultura nacional é uma das principais do mundo, além de muito diversa. "A agricultura é global, as empresas agrícolas são globais e os estudantes, futuros funcionários, também precisam ter essa compreensão integral. A mão-de-obra agrícola precisa ser diversificada e globalmente consciente e o apoio da Monsanto em ajudar neste esforço é muito apreciado por nós", completa.

Com instalações que contemplam casas de vegetação, laboratórios e a área administrativa, a Monsanto em Santa Cruz das Palmeiras é uma unidade de tecnologia e melhoramento de plantas. "Nossas pesquisas com soja, milho, algodão e proteção de cultivos são conduzidas por pesquisadores qualificados, especialistas nas mais diversas áreas das Ciências Agrárias e Biológicas. Os resultados gerados aqui suportam a elaboração de laudos técnicos para registro e liberação comercial de novos produtos a serem lançados no Brasil", explica o gerente da unidade.

Sobre a Monsanto

Somos uma empresa agrícola que desenvolve soluções integradas e seguras para pequenos, médios e grandes produtores colaborando para o avanço responsável da agricultura e da produção de alimentos. Produzimos uma grande variedade de sementes que vão desde frutas e legumes até as principais culturas ? como milho, soja e algodão ? que ajudam os agricultores a produzir alimentos nutritivos, seguros e a preços acessíveis para atender à população mundial crescente. Trabalhamos para encontrar soluções agrícolas sustentáveis que auxiliam os agricultores a conservar os recursos naturais, a usar dados para melhorar as práticas agrícolas, usar a água e outros recursos importantes de forma mais eficiente, e proteger suas colheitas de pragas e doenças. Por meio de programas e parcerias com agricultores, pesquisadores, organizações sem fins lucrativos, universidades e outros públicos colaboramos para ajudar a resolver alguns dos maiores desafios do mundo.

Para saber mais sobre nosso negócio e nossos compromissos, visite:

www.monsanto.com.br

www.descubramonsanto.com.br

www.facebook.com/monsantobrasil

wwww.twitter.com/monsantobrasil

www.youtube.com/monsantobrasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.