Mostra de Cinema Espanhol de Guerra e Memória tem sessões gratuitas em Belo Horizonte

Este conteúdo é uma comunicação empresarial

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

16 de março de 2017 | 01h28

Belo Horizonte (MG)--(DINO - 03 mar, 2017) - A capital mineira recebe, de 9 a 18 de março, a Mostra de Cinema Espanhol de Guerra e Memória, que será realizada no MIS (Museu da Imagem e do Som) Cine Santa Tereza, localizado na rua Estrela do Sul, 89, bairro Santa Tereza. Realizado pelo Instituto Cervantes BH e pelo Núcleo de Estudos de Guerra e Literatura da UFMG (Negue), a mostra exibirá filmes com novas leituras sobre a Guerra Civil Espanhola. As sessões terão filmes legendados em português.

Serão sete filmes sobre a Guerra Civil Espanhola e o pós-guerra (Las 13 Rosas, Pan Negro, El Viaje de Carol, El Laberinto del Fauno, La Maleta Mexicana, Bienvenido Mr. Marshall e La Lengua de Las Mariposas) e um filme infantil com o desenho animado do clássico Dom Quixote de La Mancha parte I (dublado em português sem legendas). Os filmes selecionados para a mostra retratam a guerra devastadora e tratam de recuperar a memória coletiva dos perdedores do lado republicano.

As sinopses dos filmes e os horários das sessões estão disponíveis no site do Instituto Cervantes em Belo Horizonte (www.belohorizonte.cervantes.es). A entrada é gratuita e a retirada do ingresso pode ser feita 30 minutos antes de cada sessão. A mostra conta com apoio cultural do MIS Cine Santa Tereza, Fundação Municipal de Cultura e Prefeitura de Belo Horizonte.

"São filmes de índole muito diversa, que formam um recorte representativo da produção cinematográfica espanhola sobre esse tema: um documentário e seis longas metragens. O tema da memória está presente em todos eles, seja por meio de uma maleta de negativos de fotografias encontradas ou pelo olhar de uma criança sobre a guerrilha do pós-guerra ou a partir das lembranças de 13 jovens mulheres", conta Volker Jaeckel, curador da mostra e coordenador do Negue.

Depois da exibição do filme Las 13 Rosas na mostra, no dia 9 de março, às 19h, haverá uma sessão comentada sobre o filme e debate com o público. Participam do debate: o curador da mostra, Volker Jaeckel, o diretor do Instituto Cervantes BH, Luiz Javier Ruiz Sierra, a gestora do MIS, Siomara Faria, e a coordenadora técnica da mostra e professora do Instituto Cervantes BH, Isabel Jimenez.

De acordo com Volker Jaeckel, "a Guerra Civil Espanhola (1936-1939) é uma ruptura importante na história da Espanha e, como nenhum outro acontecimento, marcou o país e seus habitantes até hoje". "Foi uma guerra que deixou a nação dividida em duas partes durante mais de 40 anos. Ainda depois do fim da ditadura do general Francisco Franco, em 1975, permaneceu no país ibérico um silêncio sobre este assunto polêmico, inspirado por um pacto de esquecimento."

"Essa guerra não foi apenas um prelúdio da Segunda Guerra Mundial 1939-1945; era também a primeira guerra moderna que afetou gravemente a população civil de um estado com bombardeios massivos e causou um êxodo enorme de exilados para outros países europeus, africanos e latino-americanos. Também foi a única vez na história que uma guerra mobilizou dezenas de milhares de voluntários de 53 países diferentes para lutar a favor de um governo legitimamente eleito. Ao mesmo tempo, foi a primeira guerra midiatizada, com uma repercussão quase imediata na imprensa mundial, que levava os horrores da guerra aos lugares mais distantes do mundo em forma de reportagens de jornais, revistas e documentários."

Serviço:

Mostra de Cinema Espanhol de Guerra e Memória

Dias: 9 a 18 de março

Local: MIS Cine Santa Tereza

Endereço: Rua Estrela do Sul, 89, bairro Santa Tereza

Realização: Instituto Cervantes BH e Núcleo de Estudos de Guerra e Literatura da UFMG (Negue)

Apoio cultural: MIS Cine Santa Tereza, Fundação Municipal de Cultura e Prefeitura de BH

Entrada: Gratuita

Informações: (31) 3789-1600 Instituto Cervantes BH

Programação:

? 9/03, às 19h: Las 13 Rosas (132min, 2007, Emilio Martínez- Lázaro) com sessão comentada depois da exibição do filme e debate com o público

? 10/03, às 19h30: Pan Negro (108min, 2010, Agustí Villaronga)

? 11/03, às 19h30: El Viaje de Carol (104min, 2002, Imanol Uribe)

? 15/03, às 19h30: El Laberinto del Fauno (112min, 2006, Guillermo del Toro)

? 16/03, às 19h30: La Maleta Mexicana (90min, 2011, Trisha Ziff)

? 17/03, às 19h30: Bienvenido Mr. Marshall (75min, 1953, Luis García Berlanga)

? 18/03, às 17h: Dom Quixote de La Mancha, parte I (92min, Cruz Delgado)

? 18/03, às 19h30: La Lengua de las Mariposas (95min, 1999, José Luis Cuerda)

Tudo o que sabemos sobre:
Releases

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.