Opções de cursos (e financiamento) para quem quer se atualizar e gastar pouco

Curitiba, PR--(DINO - 10 mar, 2017) - Com o mercado de empregos cada vez mais concorrido e pedindo mais e mais experiência, qualificações e recomendações dos candidatos, tornou-se fundamental ter uma boa formação, nos dias atuais. Devido a isso, cursos superiores ou técnicos tornaram-se uma solução para os estudantes. Entretanto, o custo dessas especializações é um dos entraves para a formação de novos profissionais. Mas, existem alguns cursos com preços reduzidos ou até gratuitos que facilitam o acesso de estudantes a uma educação mais qualificada. Segue abaixo a lista sugerida pelo site Cursos Técnicos (http://www.cursotecnicos.com.br/).

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

10 de março de 2017 | 09h32

Uma das opções para a formação superior é o Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (FIES). Criado na década de 70, porém remodelado nos anos 90, o FIES permite que pessoas de baixa renda cursem uma faculdade privada, realizando o pagamento dessa graduação, cerca de dois anos depois da conclusão do curso. Muitos estudantes brasileiros utilizam desse recurso, sobretudo em cursos da área de saúde como medicina, odontologia, fisioterapia, farmácia e enfermagem, visto que os juros tendem a baixar com o passar dos anos. Para mais informações acesse: http://sisfiesportal.mec.gov.br/.

Outra modalidade são as graduações no sistema "EAD - Educação a Distância". Muitas faculdades renomadas do país oferecem essa categoria. Esse gênero de ensino oferece muitos benefícios como: estudar onde e como quiser o discente não precisa abrir mão do emprego ou de outros cursos, existências de plataformas digitais que ajudam e muito no aprendizado, os preços também são acessíveis e também os professores têm uma maior disposição para os alunos, dentre outros. É uma categoria que vem aumentando número de adeptos de tempos em tempos.

O "Sistema S" é um uma junção de diferentes programas que reúne várias instituições que oferecem cursos técnicos, essas organizações são formadas pelo: Sesc (Serviço Social do Comércio); Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas); Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial); Sescoop (Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo); Sest (Serviço Social do Transporte); Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural); Sesi (Serviço Social da Indústria) e Senat (Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte). Todos esses locais citados acima oferecem cursos em diferentes áreas como: setor do comércio, de serviços, educação, saúde, cultura, lazer, saúde, bem-estar e empreendedorismo.

Pioneiro no ensino técnico brasileiro, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial, mais conhecido como SENAI, também faz parte do "Sistema S" fundado em 1942 no Rio de Janeiro, o SENAI é uma instituição que oferece uma gama diversificada de cursos técnicos. Nesses mais de 70 anos, a organização já formou milhões de alunos. O Serviço é um dos primeiros lembrados pelas pessoas quando se pensa em formação técnica, devido à qualidade do ensino, no qual o aluno é sempre colocado em trabalhos manuais, para se aprender o ofício. Se você se interessou pelo SENAI, acesse este endereço: http://www7.fiemg.com.br/senai. A maioria das cidades brasileiras possui uma filial do SENAI. Inúmeras são as opções para se conseguir uma formação com qualidade, procure mais informações sobre cada uma delas e escolha a que se encaixa melhor às suas condições.

Website: https://www.cursotecnicos.com.br/

Tudo o que sabemos sobre:
Releases

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.