Segundo projeção, feriados prolongados injetarão R$ 21 bi a mais na economia

São Paulo - SP--(DINO - 07 fev, 2017) - A crise econômica que assola o País, parece não ter afetado diretamente os planos de viagem dos brasileiros. Diferente do comércio e indústria, o setor de turismo continua movimentando dinheiro e gerando receita. Segundo uma projeção feita pelo Ministério do Turismo, com a colaboração da Fundação Getúlio Vargas, as viagens para os fins de semana prolongados por feriados que serão de segunda, terça, quinta ou sexta-feira injetarão R$ 21 bilhões a mais na economia do Brasil.

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

07 de fevereiro de 2017 | 13h10

A projeção conta com um acréscimo de 22 dias de folga, quando 10,5 milhões de viagens deverão ser realizadas. O levantamento excluiu do cálculo o feriado do Carnaval, a Semana Santa, Natal e Réveillon, por se tratarem de períodos tradicionais de alta movimentação nos aeroportos, rodoviárias e rodovias. Ainda de acordo com o estudo, o feriado que deve gerar o maior impacto de giro financeiro, é o Dia de Nossa Senhora Aparecida (também Dia das Crianças), em 12 de outubro, quando 1,94 milhão de viagens irão movimentar R$ 3,9 bilhões na economia.

A pesquisa levou em consideração os feriados de 21 de abril (Tiradentes, sexta-feira), 1º de maio (Dia do Trabalho, segunda-feira), 15 de junho (Corpus Christi, quinta-feira), 7 de setembro (Independência do Brasil, quinta-feira), 12 de outubro (Dia de Nossa Senhora Aparecida, quinta-feira) e 2 de novembro (Finados, quinta-feira). Carnaval, Semana Santa, Natal e Réveillon foram desconsiderados, pois são datas que sempre geram fins de semana prolongados, e o foco da projeção era levantar o valor a ser acrescentado na movimentação econômica nacional em 2017.

Sobre o movimento nas empresas do segmento, o presidente da Associação Brasileira das Agências de Viagem (ABAV), declarou que as empresas do setor de turismo já começaram a sentir o impacto dos feriados com o aumento na procura por pacotes de viagens. A Associação estima, que a demanda por viagens de lazer deva progredir entre 8% e 14% no ano de 2017. Uma vez que crise econômica deixou o preço dos pacotes internacionais menos viáveis, muitas pessoas optam por viagens curtas e feitas de carro.

Diante desse cenário os litorais são as novas apostas de famílias e casais que decidem viajar. Entre alguns dos destinos procurados, o litoral norte de São Paulo é o que mais atrai turista. Em Maresias a ocupação passa dos 95%, segundo a Associação de Pousadas e Hotéis de Maresias.

A praia de Maresias é conhecida por ser a única cercada por Mata Atlântica. Com areia branca em seus 5 km de extensão, mar claro e agitado, a praia de Maresias é famosa por suas baladas e festas. Durante o ano inteiro, a praia de Maresias conta com uma vasta variedade de hospedagens, lazer e gastronomia.

Situada em frente ao arquipélago de Alcatrazes, Maresias também é internacionalmente conhecida pela excelência de suas ondas, tendo sido sede de diversos campeonatos de surf como, por exemplo, o SuperSurf e etapas do campeonato mundial. Ainda para quem aprecia ondas, Maresias reserva o Canto do Moreira, ao sul da praia, onde estão as melhores condições para a prática do surf. Outro atrativo no Canto do Moreira são os recifes submersos, uma obra da natureza que merece ser contemplada. Saiba tudo sobre esta bela praia no Portal Maresias!

Tudo o que sabemos sobre:
Releases

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.