Taxas do FNO para operações não rurais seguem reduzidas até 31 de março de 2017

Este conteúdo é uma comunicação empresarial

Por DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

12 de janeiro de 2017 | 11h40

Belém - PA--(DINO - 12 jan, 2017) - Os interessados em utilizar os recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO), efetuado pelo Banco da Amazônia, neste ano para operações não rurais como investimento, capital de giro e comercialização e para financiamento de projetos de ciência e tecnologia contam com juros reduzidos até o dia 31 de março de 2017. Essa vantagem foi resultado de decisão nº 4.542/2016 do Conselho Monetário Nacional (CMN), em reunião realizada no mês passado.

"Queremos começar 2017 com os projetos internalizados conosco e prospectar novos clientes. Então, esta resolução do CMN veio para beneficiar quem está buscando investir ou dinamizar seus empreendimentos e ainda garante bônus para quem paga em dia", afirmou o presidente do Banco, Marivaldo Melo.

Para as operações de investimento com ou sem capital de giro associado, para receita bruta de até R$ 90 milhões, a taxa de juros ao ano do FNO caiu de 11,18% para 9% e, para quem pagar em dia, há bônus de adimplência de 15%, passando a taxa anual para 7,65%. Para receita bruta acima de R$ 90 milhões, os encargos são de 10,59% ao ano e, com o bônus de adimplência, esses diminuem para 9% ao ano.

Quanto às operações de capital de giro e comercialização, as taxas anuais do FNO agora são as seguintes: 13,75% para receita bruta de até R$ 90 milhões e, com bônus, reduz para 11,69%; e de 15,90% para receita bruta acima de R$ 90 milhões, sendo que reduz para 13,52% com o bônus de adimplência.

Os encargos financeiros baixaram, ainda, para os financiamentos de projetos de ciência, tecnologia e inovação. Para empresas com receita bruta até R$ 90 milhões, os encargos são de 8,10%, mas que pagar em dia, essa taxa cai para 6,89% ao ano. Para quem tem receita acima de R$ 90 milhões, a taxa fica em 9,50%, mas com o bônus de adimplência, os encargos caem para 8,08%.

"Por meio de linhas de financiamentos adequadas às necessidades da região, o Banco apoia as oportunidades de negócios, adotando taxas e prazos que possibilitam a implantação e o crescimento das empresas, proporcionando novas oportunidades de emprego e aumento de renda", ponderou o presidente Marivaldo Melo.

Website: http://www.bancoamazonia.com.br

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.