Índice europeu atinge maior nível em 2 semanas com bancos

Lucros do BNP Paribas no 4º tri superaram expectativas e resultados operacionais da ING agradaram investidores

Reuters,

17 de fevereiro de 2010 | 15h41

As bolsas de valores europeias atingiram o maior nível de fechamento em duas semanas nesta quarta-feira, 17, impulsionadas pelas financeiras após os lucros do quarto trimestre do BNP Paribas terem superado as expectativas e os resultados operacionais da ING terem agradando os investidores.

 

O FTSEurofirst 300, índice das principais ações da Europa, encerrou em alta de 1,2%, a 1.014 pontos. O índice, que avançou quase 26% em 2009, caiu cerca de 3% neste ano.

 

"Os mercados realmente gostaram dos resultados dos bancos. Se os resultados melhorarem, ajuda a confiança, já que as pessoas associam estabilidade financeira aos bancos", disse Mike Lenhoff, estrategista do Brewin Dolphin.

 

"Eu acho que os mercados também estão em uma posição de retomada, uma vez que eles estão parecendo um pouco desvalorizados há alguns dias. Era uma questão de que catalisador apareceria para induzir a retomada."

 

Os papéis do BNP Paribas subiram 4,2% após o maior banco francês listado em bolsa ter reportado menores provisões para dívidas de difícil recuperação do que o esperado no quarto trimestre, ajudando-o a superar as projeções de lucro, e disse que essas cobranças seriam baixas ao longo de 2010.

 

HSBC, Barclays, Banco Santander e UniCredit ganharam de 0,9% a 2,8%.As ações do banco e grupo de seguros holandês ING avançaram 5,2%, recuperando-se de quedas anteriores após analistas dizerem que a empresa está com preços atrativos e que os seus resultados operacionais não decepcionaram.

 

As farmacêuticas também foram favorecidas. As ações da empresa de plasma espanhola Grifols subiram 5,2%, enquanto a sua colega australiana CSL reiterava a sua previsão de lucro para o ano.

 

Em Londres, o índice Financial Times fechou em alta de 0,62%, a 5.276 pontos. Em Frankfurt, o índice DAX subiu 1,01%, para 5.648 pontos. Em Paris, o índice CAC-40 ganhou 1,53%, para 3.725 pontos. Em Milão, o índice Ftse/Mib teve valorização de 1,7%, para 21.650 pontos. Em Madri, o índice Ibex-35 avançou 1,01%, para 10.498 pontos. Em Lisboa, o índice PSI20 encerrou em alta de 0,57%, para 7.582 pontos.

 

(Reportagem de Joanne Frearson)

Tudo o que sabemos sobre:
Europa, mercado, ações, BNP Paribas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.