Tiago Queiroz/Estadão
Tiago Queiroz/Estadão

Governo vai anunciar mudanças no Tesouro Direto em dezembro

Número de investidores ultrapassou a marca de 1 milhão; órgão vem anunciando medidas desde 2015

O Estado de S.Paulo

23 Novembro 2016 | 12h23

O coordenador-geral de operações da Dívida Pública, Leandro Secunho, afirmou nesta quarta-feira, 23, que o Tesouro Nacional irá anunciar na primeira semana de dezembro medidas para facilitar o investimento e o resgate no programa Tesouro Direto. Ele não detalhou as mudanças.

Na semana passada, o Tesouro informou que o número de investidores cadastrados no programa aumentou 74,4% no período de 12 meses e ultrapassou em outubro a marca de 1 milhão. 

Desde 2015, o Tesouro tem lançado uma série de melhorias para atrair investidores. Em março do ano passado, o órgão mudou os nomes dos títulos públicos para facilitar o entendimento e melhorou a liquidez do produto, ofertando recompra diária de papéis. O site do programa também foi reformulado e passou a ser adaptável a plataformas tablets e celulares.

Além disso, o Tesouro prepara um simulador que compara os títulos com outros produtos de renda fixa, como CDB, LCI, LCA e fundos. / LORENNA RODRIGUES E EDUARDO RODRIGUES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.