Nappy
Nappy

Levantamento do LinkedIn mapeia empregos em alta para 2021

Com demandas decorrentes da pandemia do coronavírus, destaques em contratações aparecem nos setores de saúde e tecnologia

Redação, O Estado de S.Paulo

03 de fevereiro de 2021 | 16h00

Um levantamento feito pelo LinkedIn mapeou os 15 empregos que mais cresceram no Brasil, entre abril e outubro de 2020, e que devem impulsionar o mercado de trabalho este ano. Com as demandas decorrentes da pandemia do coronavírus, os destaques aparecem nos setores de saúde e tecnologia.

Na saúde, a contratação de enfermeiros de terapia intensiva registrou uma taxa de crescimento recorde de 820% em comparação com o ano anterior. Os efeitos do isolamento social e da pandemia também levaram a um aumento de 34% nas admissões de especialistas de saúde mental

A área de pesquisa relacionada à saúde também foi movimentada, com organizações como o Instituto Butantan, IQVIA e PRA Health Sciences na liderança de contratação de pesquisadores e profissionais do setor farmacêutico. 

No setor de tecnologia, profissionais como desenvolvedores, engenheiros de software, designers de produtos e especialistas em segurança cibernética se destacaram com uma demanda crescente no mercado. De acordo com o levantamento, ao menos 20% desses cargos abertos são para home office. 

Confira as 15 tendências de empregos que devem impulsionar o mercado de trabalho em 2021:

    1) Médicos especializados

    Enfermeiro de terapia intensiva, enfermeiro de saúde pública, enfermeiro de pronto-socorro, clínico geral, fisioterapeuta, farmacêutico(a), médico(a) e especialista clínico.

    2)  Cargos em tecnologia 

    Eengenheiro de software, desenvolvedor de backend, desenvolvedor de jogos, desenvolvedor de frontend, consultor de design de produto, designer de interface do usuário, desenvolvedor de web e analista de segurança cibernética.

    3) Farmacêuticos e pesquisadores 

    Técnico em medicina, cientista de laboratório médico e assistente de laboratório.

    4) Cargos em vendas e desenvolvimento de negócios

    Especialista em vendas, gerente de vendas, assistente operacional de vendas.

    5) Especialistas em E-commerce

    Diretor de cadeia de suprimentos, técnico em logística, analista de estoque, operário de estoque, gerente de e-commerce, analista de e-commerce. 

    6) Profissionais autônomos de conteúdo digital 

    Podcaster, YouTuber, coordenador de conteúdo e editor de vídeo.

    7) Especialistas em marketing digital

    Gerente de mídias sociais, especialista em estratégias de posicionamento, consultor de marketing digital, produtor de conteúdo e redator para experiência do usuário.

    8) Profissionais de finanças 

    Diretor financeiro, corretor de ações, consultor de serviços financeiros, contador, supervisor de contas a receber e bancário.

    9) Telemarketing

    Representante de telemarketing, operador de telemarketing e especialista em telemarketing.

    10) Cargos de apoio à saúde 

    Assistente de farmácia, consultor de saúde, gerente de operações clínicas, encarregado médico, coordenador médico e assistente de saúde.

    11) Serviços criativos  

    Ilustrador, artista 3D, redator, figurinista e designer gráfico.

    12) Análises de dados 

    Engenheiro de dados, analista de dados, analista de desempenho e analista de validação.

    13) Cargos de sucesso de clientes 

    Atendimento ao cliente, líder de equipe de atendimento ao cliente, especialista em central de atendimento, gerente de sucesso do cliente, parcerias estratégicas e gerente de experiência do cliente.

    14) Profissionais do setor de varejo

    Especialista em varejo e especialista em merchandising.

    15) Especialistas em saúde mental

    Psicoterapeuta e psicólogo clínico

    Quer receber notícias e debater assuntos sobre Carreiras e Empreendedorismo? Entre para o nosso grupo no Telegram pelo link ou digitando @gruposuacarreira na barra de pesquisa do aplicativo.

    Tudo o que sabemos sobre:
    Linkedinpsicologiatrabalhohome office

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    Comentários

    Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.