Fundação Bill Gates não quer mais ações do McDonald’s nem da Coca-Cola
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Fundação Bill Gates não quer mais ações do McDonald’s nem da Coca-Cola

Entidade vendeu também as ações da petrolífera Exxon e vai se concentrar em empresas que trabalhem para ajudar as pessoas, não importa onde vivam

Economia & Negócios

19 Fevereiro 2015 | 14h09

Melinda e Bill Gates: investimentos vão se concentrar em empresas empresas cujos objetivos vão além do lucro (Foto:Reuters)

Melinda e Bill Gates: investimentos vão se concentrar em empresas empresas cujos objetivos vão além do lucro (Foto:Reuters)

A multibilionária Fundação Bill e Melinda Gates, criada por Bill Gates e sua esposa Melinda, encerrou sua participação acionária de US$ 1 bilhão no McDonald’s, além de outras carteiras de centenas de milhões na Coca-Cola e na Exxon.

A Fundação Gates informou que prefere investirem empresas cujos objetivos vão além do lucro, segundo a Bloomberg News.

A filosofia da entidade será centrada em empresas com valores que orientam o seu trabalho. O objetivo da fundação é “ajudar a todas as pessoas, não importa onde eles vivam, para que tenham a chance de viver uma vida saudável e produtiva”.

A fundação informou que não vai investir em empresas cujos lucros estão vinculados a atividades como a indústria tabagista.

A decisão de deixar as ações do McDonald’s veio após várias notícias nos últimos meses sobre as pressões contra o teor calórico das refeições da empresa e também as disputas com trabalhadores envolvendo questões salariais. Com resultados em queda, a rede de fast food trocou o presidente em dezembro passado.
A Exxon Mobil, por sua vez, também foi abandonada pelo megainvestidor Warren Buffett, do fundo Berkshire Hathaway, que vendeu sua participação em meio à queda dos preços do petróleo.

A Coca-Cola também está lutando com as tendências negativas, dadas as preocupações dos consumidores sobre as bebidas açucaradas, o que leva muitos a buscar bebidas saudáveis.

Leia também:

Presidente mundial do McDonald’s pede pra sair após prejuízos

Coca-Cola muda após vendas fracas

Exxon encontra óleo no Ártico

Fundação Bill e Melinda Gates financia supercamisinha

 

 

Mais conteúdo sobre:

Bill GatesCoca-ColaExxonMcDonald's