Doug Mills / The New York Times
Doug Mills / The New York Times

Trump avançará em acordo com México 'com ou sem Canadá', diz secretário

Segundo Wilbur Ross, o Canadá 'depende muito' da economia americana, especialmente no setor automotivo, por isso teria incentivos para confirmar um acordo

Gabriel Bueno da Costa, O Estado de S.Paulo

28 de agosto de 2018 | 09h44

O secretário do Comércio dos Estados Unidos, Wilbur Ross, reafirmou em entrevista nesta terça-feira, 28, à Fox Business que o governo do presidente Donald Trump está disposto a fechar o acordo comercial com o México, "com ou sem o Canadá". Segundo Ross, o Canadá "depende muito" da economia americana, especialmente no setor automotivo, por isso teria incentivos para confirmar um acordo.

Após ontem os EUA e o México anunciarem um acordo bilateral, o Canadá deve negociar nesta semana com ambos. O trio forma atualmente o Tratado Norte-Americano de Livre-Comércio (Nafta, na sigla em inglês), mas Trump tem ameaçado acabar com o Nafta, privilegiando iniciativas bilaterais, ou ao menos trocar o nome Nafta e garantir mudanças nele.

Ross afirmou na entrevista que o Canadá "tem sido muito ruim com nossos fazendeiros, especialmente do setor de laticínios", o que deve ser uma demanda de Washington no diálogo desta semana.

Em vigor desde 1994, o Nafta é um acordo de livre circulação de mercadorias e serviços entre os três países da América do Norte, que movimentaram mais de US$ 1 trilhão no ano passado.

O acordo anunciado na segunda-feira, 27, eleva de 62,5% para 75% a parcela de conteúdo local na produção de automóveis. O objetivo é garantir que um maior número de veículos seja fabricado na região, com mais consumo de aço produzido localmente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.