Calabar|EFE
Calabar|EFE

Dono da Zara é o homem mais rico da Europa, segundo revista

Amancio Ortega tem uma fortuna estimada em € 73,089 bilhões; Jorge Paulo Lemann aparece em nono lugar

EFE

04 Julho 2017 | 16h17

GENEBRA – Fundador do grupo Inditex, que detém marcas como a rede de lojas Zara, o espanhol Amancio Ortega é o homem mais rico da Europa, segundo a classificação da revista econômica suíça  Bilan divulgada nesta terça-feira – na qual o brasileiro Jorge Paulo Lemann aparece em nono.

Ortega tem uma fortuna estimada em € 73,089 bilhões, segundo a publicação, que afirma que a riqueza acumulada das 100 pessoas com os maiores patrimônios no Velho Continente aumentou 19% em comparação com a lista de 2016.

Em segundo lugar aparece o francês Bernard Arnault, proprietário do conglomerado de moda de luxo LVMH, que subiu três posições e possui uma fortuna de € 46,588 bilhões, um aumento de 70% em relação ao ano passado. Este aumento se deve, sobretudo, à grande valorização das ações das suas participações na LVMH e na Hermès, segundo a Bilan.

Em terceiro lugar está a família Kamprad, fundadora da gigante sueca de móveis Ikea, com um patrimônio de € 39,554 bilhões, 15% a mais que em 2016, e em quarto aparece a herdeira do grupo francês de produtos cosméticos L’Oréal, Liliane Bettencourt, com € 6,549 bilhões.

O brasileiro Jorge Paulo Lemann, do grupo 3GCapital e que vive na Suíça, é o nono colocado, com € 26.765 milhões.

A lista é dominada por alemães que controlam ou têm participação em empresas como as automobilísticas BMW e Porsche, a de consumo Henkel e as de supermercados Aldi e Lidl, assim como por multimilionários russos nos setores de matérias-primas e aço.

A Alemanha lidera o ranking por países com 27 representantes, seguida pela Rússia, com 16, a França, com 14, e a Itália, com dez.

Mais conteúdo sobre:
ZaraEuropa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.