Divulgação
Divulgação

Mercado Livre lança capacitação em tecnologia com bolsas de estudo

De olho em reduzir déficit de profissionais na área, empresa quer formar 10 mil profissionais em dois anos na América Latina; 25% das vagas têm bolsa de quase 100% do valor

Redação, O Estado de S.Paulo

05 de dezembro de 2020 | 10h00

A gigante de e-commerce Mercado Livre lançou, em parceria com a empresa de tecnologia Globant e a edtech Digital House, um curso de educação em tecnologia que pretende formar, em dois anos, 10 mil profissionais na área de tecnologia na América Latina. No Brasil, que tem o maior déficit entre 10 avaliações de países latinos, estima-se que até 2024 sejam necessários mais de 300 mil profissionais na área.

Dos 10 mil profissionais a serem atingidos pela parceria, 2.500 deverão receber bolsa de 95% do valor do curso, chamado de Certified Tech Developer. O objetivo é formar, com conceito acadêmico baseado em metodologias ágeis, profissionais prontos para atuar no mercado de trabalho. O lançamento é simultâneo no Brasil, na Argentina e na Colômbia.

As inscrições estão abertas até abril do próximo ano (pelo site do curso), e as aulas terão início em maio. O valor do primeiro ano do curso no Brasil é de R$ 16.800 e, com a bolsa, o aluno poderá pagar R$ 840 (em parcelas). Não há critério de renda na seleção, mas o aluno precisa ter mais de 16 anos. A seleção após a inscrição envolve uma série de testes e entrevistas.

Pelo plano de aulas, a ideia é que o aluno tenha conhecimento suficiente para, ao final do primeiro ano do curso, já ingressar no mercado de trabalho. Durante o aprendizado, será possível ter contato com profissionais de Mercado Livre e Globant. Além disso, especialistas das duas empresas de tecnologia irão avaliar os projetos finais do estudantes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.